Quinta, 21 Outubro 2021

B Blog

Restauro do Museu do Ipiranga

Estrela inativaEstrela inativaEstrela inativaEstrela inativaEstrela inativa
 

Projeto de restauração do Museu do Ipiranga leva em conta critérios técnicos, legislação e acessibilidade O projeto de restauração do Museu do Ipiranga, previsto para ficar pronto em 7 de setembro de 2022, ano do bicentenário da Independência do Brasil, segue em andamento, embora não se permita a entrada de visitantes para acompanhar o andamento das obras. Se trata de um edifício tombado pelo patrimônio histórico, mas as imagens apresentadas na internet pelo site oficial deixam uma boa impressão a quem acessa.                                      

Diferente do projeto previsto para o Estádio do Pacaembu, a proposta para o Museu do Ipiranga 2022 deixa claro que serão seguidos todos os critérios atuais de arquitetura e acessibilidade.

Além da recuperação e restauro do acervo, o projeto dedica especial atenção à visitação pública. Estimativas apontam para um público de 500 mil pessoas/ano de todas as idades.

Soluções para dificuldades de locomoção nos setores internos estão previstas no projeto como mostram as molduras abaixo.

 Rampas e piso antiderrapante serão implantados 

                                                                                  Pessoas idosas poderão se utilizar de um elevador já existente, mas haverá escadas rolantes

Respeito ao desenho de acessibilidade universal

A obra de restauro e modernização do edifício apresentará a adequação integral das instalações às novas normativas de uso, contando com acessibilidade universal para pessoas com mobilidade reduzida, deficiência visual e outras necessidades especiais a todos os pavimentos do edifício histórico.

O Projeto Básico de Arquitetura e Restauro atende aos critérios e parâmetros técnicos relativos às adaptações necessárias às edificações previstas na legislação e normas vigentes destinadas à acessibilidade às edificações, mobiliário, espaços e equipamentos urbanos e das diretrizes e recomendações estabelecidas pelos Conselhos competentes para a aprovação do projeto de restauro e ampliação. Além de facilitadores para a locomoção no espaço físico, após a reabertura, o Museu contará também com recursos para acessibilidade de conteúdo.

Por que o projeto do Pacaembu não realçou essas mesmas prioridades? Hoje a proposta de privatização do Estádio Paulo Machado tem trazido preocupação em vez de uma expectativa positiva. Pena que os novos gestores sigam se mostrando intransigentes em relação a mudanças em um projeto original que fizeram, sem aceitar propostas que atendam interesses do bem-comum. Com as medidas tomadas em relação ao Museu do Ipiranga, o projeto pretende atender as especificações estabelecidas pelo Decreto 5761/06, Artigo 27, Inciso II, de - proporcionar condições de acessibilidade a pessoas idosas e portadoras de deficiência, IV - desenvolver estratégias de difusão que ampliem o acesso; e também estar em conformidade a Instrução Normativa 5/2017, Artigo 18.

Respeitando a história e os cidadãos

Com mais de 120 anos, o Edifício-Monumento possui características físicas que lhe conferem grande particularidade. Além de seu significado simbólico para a identidade nacional e regional e seu peso cultural é, na condição de museu, um importante exemplar das técnicas construtivas do século 19 que permitem a entrada da luz natural em várias das dependências. Projetado por Gaudêncio Bezzi e inaugurado em 1895, o centro do edifício está em simetria ao Monumento da Independência, de Ettore Ximenes, às margens do Ipiranga.

Fechado desde agosto de 2013 estão sendo aplicados R$ 140 milhões, anunciados pelo governador João Doria, no último 7 de setembro, necessários para o restauro do museu e do parque.

Segundo o governador, os valores foram obtidos integralmente junto à iniciativa privada, em parte por leis de incentivo à cultura.

Também ressaltou que serão investidos recursos privados para melhorias no Parque da Independência e a despoluição do Córrego do Ipiranga. “Tudo pronto até 2022”, ressaltou Doria na ocasião e, promessas devem ser cumpridas.

Escadas rolantes darão acesso ao saguão principal e cadeirantes subirão de elevador

Projeto também prevê conexão entre as alas de exposição
Fontes: Portal Museu  do Ipiranga 2022 e Estadão Conteúdo

 

 

Eventos

Ana Renno

Enquete

Quem é o melhor jogador de futebol?

Newsletter

Receba nossas noticias e novidades direto no seu e-mail.